Ainda fora do País, Nintendo reabre site no Brasil

Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

Receba os artigos diretamente no seu email


Os fãs brasileiros de games acordaram com uma esperança dissemelhante nesta terça-feira, 26: em seguida quase três anos longe do Brasil, a operário de videogames Nintendo atualizou seu site solene para o País.

Antes exclusivamente uma página que redirecionava para o site setentrião-americano da empresa, agora o endereço tem uma saudação aos consumidores. “Obrigado por visitar a Nintendo Brasil. Que bom ter você por cá”, diz o texto do site, que só contém links para serviços no exterior e para a loja virtual do Nintendo 3DS, único serviço que a empresa manteve funcionando no País desde janeiro de 2015, quando decidiu fechar sua operação lugar.

É cedo ainda para expressar que a empresa pode voltar a vender seus produtos de forma solene por cá. No entanto, não seria surpreendente. Quando saiu, em 2015, a japonesa amargava uma de suas piores crises com o fracasso de vendas do Wii U – e fechar a operação brasileira, que não tinha grande...

desempenho, parecia um passo óbvio para trinchar custos.

Agora, porém, com o sucesso do Nintendo Switch, a Nintendo se vê em um grande momento, e é bastante provável que a companhia decida retornar – finalmente, o mercado brasiliano de games é o maior da América Latina e movimenta mais de US$ 1 bilhão ao ano, segundo dados da consultoria Newzoo.

Para os fãs, a volta da empresa ao País significaria a volta de serviços de assistência técnica e garantia para os novos produtos da empresa, e a esperança de preços mais baixos – hoje, quem quer ter um Nintendo Switch tem de remunerar pelo menos R$ 1,5 milénio no varejo informal em São Paulo. Já os jogos em formato físico para o console custam pelo menos R$ 250. (No formato do dedo, eles saem por volta de R$ 200, mas é preciso ter cartão de crédito internacional e uma conta em uma Nintendo eShop estrangeira). Também ajudaria os estúdios brasileiros interessados em fabricar games para o console.

Com informações de (Manadeira):Que Mario?